Sebrae lança centro de referência para a Educação Empreendedora

Comitê Estratégico toma posse para definir políticas, diretrizes e prioridades de atuação

Empreendedores de todo o país já podem ter acesso a informações, ferramentas, estudos e material de orientação sobre empreendedorismo no Centro de Referência em Educação Empreendedora ou CER. O funcionamento dessa nova plataforma digital foi destaque durante a cerimônia de posse do Comitê Estratégico do CER e lançamento do Sebraelab, em Belo Horizonte, no dia 21. 

O CER é um núcleo de captação, geração, gestão e disseminação do conhecimento associado aos temas Empreendedorismo e Educação Empreendedora. “Com esse site será possível levar a educação empreendedora aos empreendedores e educadores de todo o país, de maneira simples e prática”, explica o presidente do Sebrae Nacional, Guilherme Afif Domingos.

Esse é o terceiro Centro de Referência criado pelo Sebrae no país. Os outros dois estão instalados no Rio de Janeiro – voltado para o Artesanato – e em Cuiabá, dedicado à Sustentabilidade. “O Sebrae Minas vem trabalhando há anos na realização de projetos que fortalecem e propagam a cultura empreendedora. Nosso objetivo é criar novos modelos práticos, teóricos e inovadores para os pequenos negócios, em temas ligados ao empreendedorismo”, justifica o superintendente do Sebrae em Minas Gerais, Afonso Maria Rocha.

O CER foi idealizado em 2014, pelo então presidente do Conselho Deliberativo do Sebrae, Roberto Simões, atual presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Minas Gerais (Faemg). Durante a cerimônia, Simões foi homenageado pelas autoridades presentes. “Não foi por acaso que escolhemos Minas. O estado sempre se destacou nas primeiras posições em rankings de educação. Além disso, possui uma das maiores redes de universidades federais, boas faculdades particulares e centros de tecnologia”, justifica Simões.

No decorrer do evento, tomaram posse os 12 membros do Comitê Estratégico do CER, presidido pela diretora técnica do Sebrae, Heloisa Menezes, com representantes do Sebrae em Minas, Mato Grosso do Sul, Distrito Federal, Acre, Pará, Pernambuco, Alagoas, Santa Catarina, Paraná, Espírito Santo e Rio de Janeiro. “Nosso principal desafio é transformar conhecimento, teorias e conceitos em ações práticas de educação empreendedora, não apenas para o Sebrae, mas para os governos e toda a sociedade”, diz a diretora técnica do Sebrae.

Foco

Entre outras finalidades, o Centro de Referência vai ampliar parcerias estratégicas e ações de disseminação da Cultura Empreendedora, bem como divulgar a produção desse conhecimento em congressos, palestras, conferências e seminários, no Brasil e no exterior.

Na plataforma, estão disponíveis também estudos e mapeamentos do comportamento empreendedor, análises comparativas sobre o impacto da atitude empreendedora, pesquisas, artigos, textos técnicos, livros e estudos de caso, que serão compartilhados com instituições de ensino.

Fonte: Sebrae